segunda-feira, 23 de junho de 2008

SE MINHA BÍBLIA FALASSE...

Talvez os mais puritanos afirmem logo que suas Bíblias FALAM, pois é a Palavra do próprio Deus.
Ao propor essa reflexão não pretendo falar de questões teológicas como Inspiração, Revelação ou em que sentido a Bíblia “é” a Palavra de Deus ou contém a Palavra de Deus.
Quero refletir na Bíblia como livro a ser lido. Se ela pudesse reclamar algumas situações ao seu usuário, o que ela diria?
Lembro-me dos desenhos animados no meu período de infância, quando algum objeto inanimado não gostava do mal uso a que estava sendo submetido, se voltava contra seu utilizador e reclamava.
A Bíblia também traz registros de fatos curiosos assim. Lembram da mula de Balão? Quando o profeta tentou utiliza-la de forma inadequada, o animal voltou-se contra o profeta e queixou-se (Nm 22.28). Em Lc 19.40, Jesus diz que em caso extremo as próprias pedras clamariam.
Em termos de questões literárias, nessas duas situações estamos diante de hipérboles.
Consideremos também a hipérbole para nossa reflexão...

SE MINHA BÍBLIA FALASSE... O QUE ELA DIRIA?

SE MINHA BÍBLIA FALASSE... Ela me pediria para ser mais lida. Apesar de ser o livro mais vendido no Mundo, tudo indica que não seja o mais lido. Muitos de nós a lemos ocasionalmente, algumas vezes só quando estamos nos cultos. Tem pessoas que até têm dificuldades de encontrar a Bíblia quando vão ao culto... Não sabem nem onde ela está guardada.

SE MINHA BÍBLIA FALASSE... Diria: não me use apenas como ferramenta de trabalho. Não me use apenas quando você vai pregar, ensinar ou fazer algo que precise de uns versículos como justificativa. Muitas vezes utilizamos a Bíblia só quando vamos exercer nossas tarefas eclesiásticas. Não a utilizamos devocionalmente. Não a lemos com a expectativa de Deus falar conosco.

SE MINHA BÍBLIA FALASSE... Reclamaria: Não é isso que estou dizendo. Você esta afirmando algo que eu não estou dizendo em minhas páginas. O maior erro que afeta a vida cristã é a má interpretação das Escrituras. Muitos são alvo desse problema apenas por falta de vontade ou esforço. Para se evitar os grandes erros de interpretação não requer excepcional conhecimento hermenêutico (ciência de interpretação). Uma leitura freqüente e contextual já é suficiente para minimizar grandes erros.

SE MINHA BÍBLIA FALASSE... Talvez dissesse: POR FAVOR! PELO AMOR DEUS! Fale de mim para as outras pessoas. Quando conversar com alguém, utilize meus princípios para endossar sua conversa e pensamento. Se quisermos compartilhar com outras pessoas o que Deus tem feito em nossas vidas, nada melhor que fazê-lo com base bíblica. Não citar mecanicamente versículos decorados. Devemos mostrar, mesmo sem citar capítulo e versículo, que nossas opiniões são permeadas pela Bíblia.

SE SUA BÍBLIA FALASSE... HUM!

O QUE VOCÊ ACHA QUE ELA DIRIA?

Celson Coêlho
Diretor DEBQ-PE
Editor do Blog


(reprodução autorizada desde que mantida a integridade do texto, mencionado o autor: Celson Coêlho e o blog: www.ebqrecife.blogspot.com)

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante.
Porém, comentários ANÔNIMOS não serão publicados.
Celson Coêlho