sábado, 10 de julho de 2010

A VOZ DO 'POLVO' NÃO É A VOZ DE DEUS!


Durante a Copa do Mundo de Futebol, um polvo tem chamado a atenção. Seu nome é Paul, reside no aquário em Oberhausen, Alemanha. Também conhecido como polvo profeta, ficou famoso durante a Eurocopa 2008 acertando 80% dos resultados da seleção alemã.
No mundial, o polvo acertou todas as 6 partidas da Alemanhã. Método usado: coloca-se duas caixas com comida dentro do aquário, uma com bandeira da Alemanhã, na outra, a bandeira da seleção adversária. Da caixa de onde ele tirar seu alimento, sairá o vencedor. Várias redes de televisão no mundo têm acompanhado as previsões do “profeta”.


A SUPERSTIÇÃO E FÉ

Mostrado como brincadeira, as previsões do polvo revelam como o homem é achegado a superstições. Palavras como “profeta”, “previsões”, “vidente”, “acertar o resultado”, vinculadas na mídia, expressam este sentimento supersticioso.

Superstição é o “sentimento religioso excessivo ou errôneo, que muitas vezes arrasta as pessoas ignorantes à prática de atos indevidos e absurdos; Falsa idéia a respeito do sobrenatural.” (Dicionário Michaelis – destaque meu). Agricio Vale, no artigo Tristes Supertições, acrescenta que este sentimento é fundamentado no temor (medo). O autor ainda esclarece que muitos recorrem a tais práticas na impossibilidade de terem seus sonhos realizados. Muitos querem dar uma “mãozinha” ao seu destino. Assim, recorrem a: runas, tarô, horóscopo, numerologia, cristais, duendes, astros, cartas e búzios.

Estão preocupados com o futuro, porém não estão preocupados com as forças espirituais que estão por traz dessas práticas...

A Bíblia é clara em declarar que a fé é adquirida pela Palavra de Deus (Rm 10.17). Esta é a fé que agrada a Deus (Hb 11.6). A fé cristã, conforme a Bíblia, é a confiança em Deus e em suas promessas expressas em Jesus Cristo. A fé nos justifica diante de Deus (Rm 3.26). O livro de Hebreus, no capítulo 11, traz exemplos verdadeiros de fé. Logo em seu primeiro verso, lemos que “fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem.” Nos versos seguintes, na galeria dos heróis da fé, vemos homens e mulheres que expressaram sua fé confiando e obedecendo a Deus.


A VOZ DE DEUS: A BÍBLIA SAGRADA

Autoridade significa direito ou poder de mandar. No cristianismo, aceitamos que a Bíblia tem autoridade divina para nossas vidas. Assim, ela é nosso parâmetro para o que pensamos e como agimos. Em 2Tm 3.16 compreendemos que a Bíblia em sua plenitude foi inspirada por Deus. Em grego, a expressão inspirada por Deus (theopneustos)[1] , revela o sopro de Deus em ação. A semelhança ao sopro divino descrito em Gn 2.6 que deu vida ao homem formado do pó da terra, Deus nos sopra uma nova vida através de Jesus revelado nas Escrituras.
Devemos nos submeter à Bíblia. Ela nos garante um futuro de alegria e paz quando servimos a Deus.

E quanto ao polvo... para quem gosta, que seja um bom prato...

NOTA
[1] Junção dos termos theos (Deus) e pneos (respirar, soprar).

REFERÊNCIA
VALE, Agricio. TRISTES SUPERTIÇÕES. in Defesa da Fé, nº 39, outubbro de 2001.


Celson Coêlho
Diretor Estadual DEBQ-PE
Editgor do Blog


(reprodução autorizada desde que mantida a integridade do texto, mencionado o autor: Celson Coêlho e o blog: www.ebqrecife.blogspot.com)

3 comentários:

Mitsuo disse...

Muito bom Celson!
Gosto muito dos seus artigos, estou sempre acompanhando!!

Deus continue o abençoando!!
E vamos divulgar essas ideias!!

EBQRECIFE disse...

Olá Mitsu!
PAZ!
Obrigado por estar acompanhando nosso Blog. Pela graça de Deus procuramos abençoar nossos leitores despertando-os através dos textos.
Conto sua "divulgação" e oração também...
Um abraço amigo!

Celson Coêlho

EBQRECIFE disse...

Olá 'amigo' que postou ANÔNIMO!
PAZ!
Poderia até argumentar seu comentário, mas pelo princípio adotado no blog de não publicar e responder comentários ANÔNIMOS, não farei.
Também te darei "uma dica"... Tenha coragem de se identificar. Não é por que estamos no "mundo" virtual que não existem regras. QUALQUER UM chega, joga sua "pedrinha" e fica escondido. Nada disso.
Se interessar debater sobre o texto, identifique-se!

Obrigado por sua visita.
Celson Coêlho

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante.
Porém, comentários ANÔNIMOS não serão publicados.
Celson Coêlho